terça-feira, 6 de abril de 2010

O Palhaço

Ricardo Salles
No circo dos romances
Sou feliz como palhaço
Audacioso ou sofredor
Poeta destrambelhado:

No colorido do escuro
Fica meu sonho guardado
Trancafiado em lugar seguro
Num coração voador e estabanado.
Quanto mais o perco mais o procuro

Talvez essa seja minha mágica
Das paixões atrapalhadas
Observar o sorriso
Nos olhos das amadas..


_
_

Um comentário:

barbaragoes disse...

esse do meio não de tua autoria?

!